Museus e Arte

Sandro Botticelli biografia e pinturas

Sandro Botticelli biografia e pinturas

Biografia de Sandro Botticelli muito rico. Traduzido, isso significa "barril". Ele nasceu em Florença em 1445.

O pai do futuro artista era um curtidor. Por volta de 1458, o pequeno Sandro já trabalhava como aprendiz em uma oficina de joias que pertencia a um de seus irmãos mais velhos. Mas ele não ficou lá por muito tempo, e já no início da década de 1460 ele foi inscrito como aprendiz do artista Fra Philippe Lippi.

Os anos na oficina de arte de Lippi foram divertidos e produtivos. O artista e seu aluno se davam bem. Posteriormente, o próprio Lippi se tornou aluno de Botticelli. Desde 1467, Sandro abriu sua própria oficina.

Botticelli completou seu primeiro pedido para o tribunal. Isso foi no ano de 1470. Em 1475, Sandro Botticelli era um mestre conhecido e procurado. Ele começou a criar murais, pintar pinturas para igrejas.

Botticelli considerava "seu" homem quase em toda parte, inclusive nas ricas famílias reais. Assim, Lorenzo di Pierfranchesko de Medici, quando comprou uma casa, convidou Sandro Botticelli para morar com ele e pintar pinturas para o interior. Foi nessa época que Botticelli pintou duas de suas pinturas mais famosas - "Primavera" e "O Nascimento de Vênus". Ambas as pinturas são apresentadas em nosso site com uma descrição detalhada.

Em 1481, Botticelli foi a Roma a convite do Papa Sisto IV. Ele participou da pintura da Capela Sistina, que acabara de terminar a construção.

Após a morte de seu pai em 1482, Botticelli voltou para sua cidade natal, Florença. Tendo sobrevivido à tragédia, o artista retoma as pinturas. Multidões de clientes foram à sua oficina, então parte do trabalho foi realizada por um aluno do mestre, e ele só recebeu pedidos mais complexos e prestigiados. Desta vez foi o auge da fama de Sandro Botticelli. Ele era conhecido como o melhor artista da Itália.

Mas dez anos depois, o poder foi substituído. Savonarola subiu ao trono, que desprezava os Medici, seu luxo, venalidade. Botticelli teve um momento difícil. Além disso, em 1493, o irmão de Botticelli, Giovanni, a quem ele amava muito, morreu. Botticelli perdeu todo o apoio. Embora esse período não tenha durado muito, porque em 1498 Savonarol foi excomungado e queimado publicamente na fogueira, ele ainda era muito difícil.

No final de sua vida, Botticelli estava muito sozinho. Não havia vestígios de sua antiga glória. Ele foi rejeitado como artista e não houve mais pedidos. Ele morreu em 1510.


Assista o vídeo: Vida y obra de Sandro Botticelli (Outubro 2021).