Museus e Arte

Reunião solene do Conselho de Estado, Repin, 1903

Reunião solene do Conselho de Estado, Repin, 1903

A reunião cerimonial do Conselho de Estado em 7 de maio de 1901 em homenagem ao centenário de seu estabelecimento - Ilya Efimovich Repin. 400 x 877 cm

Possuindo a indubitável autoridade de um artista de destaque de sua época, Ilya Efimovich Repin (1844-1930), em abril de 1901, recebeu uma ordem do governo para a execução de uma tela monumental projetada para se tornar um "monumento" ao centésimo aniversário da fundação. Conselho Estadual.

O talento do pintor se manifestou plenamente na solução composicional da pintura multi-figuras. Tendo delineado a perspectiva de vários pontos de vista, o mestre fez um panorama da sala, onde, em toda a escala da tela, nenhum dos participantes da reunião se perde entre os demais e os rostos são bastante reconhecíveis.

Gestos característicos observados de oficiais conversando entre si ou ouvindo atentamente o interlocutor, a atmosfera geral animada e a veracidade da transferência dos mínimos detalhes criam um sentimento de cumplicidade no que está acontecendo, o público parece estar incluído no processo de reunião.

O artista primeiro pintou sessenta retratos de estadistas e depois foi transferido para uma enorme tela. Para criar um retrato de grupo, Repin atraiu alunos - B.M. Kustodiev (que realizava principalmente todo o lado direito da tela) e I. S. Kulikov (respectivamente trabalhando à esquerda). Toda a parte central é escrita pelo próprio Repin. Ele documentou uma reunião no salão redondo do Palácio Mariinsky de São Petersburgo, decorada no final do século XIX com retratos de ex-autocratas russos - Catarina II, Alexandre I, Nicolau I, Alexandre II e Alexandre III. Sendo admitido nas reuniões e realizando esboços e desenhos preparatórios para o trabalho, Repin também usou uma câmera.

Atualmente, esta tela e os estudos de campo que o acompanham estão alocados em um salão separado do Museu Estatal Russo.


Assista o vídeo: Sessão Solene - Presidente do Conselho Federal de Contabilidade ganha Cidadania Piauiense (Setembro 2021).